Síndrome do Pânico

Sobre o Pânico

Apesar de fazer bom tempo que estou controlado e me sentindo bem, ainda assim – lá no fundo – acredito que não está acabado. Por diversas vezes me sinto prepotente, sabendo que preciso lutar diariamente contra um mal silencioso que pode voltar a qualquer momento. Intuo que preciso ficar bem – nessa batalha não existe essa de “não tô legal hoje”. Posso estar sendo severo demais comigo mesmo, mas percebo que precisa ser assim.

Pro meu caso, essa história de buscar ser um homem melhor é mais do que uma promessa de ano novo ou meta semestral. Está mais para uma questão de sobrevivência no universo da minha própria mente. Venho refletindo sobre isto exatamente num momento oposto ao vivenciado há quase um ano atrás. Estou muito bem em todas as áreas da minha vida, passando por importantes transformações para fechar o ultimo ciclo de pendencias que precisavam ser resolvidas. É bem por isso que agora julgo importante esta reflexão. Fica mais claro quando se está por baixo, principalmente quando se aceita a condição doente da mente. Depois da aceitação, a tendência é somente melhorar – como já esteve ruim, dificilmente piora.

Este tipo de reflexão gera desconfiança interna e certa confusão: o menor sinal de dias não tão bons segue acompanhado da dúvida da recaída. O mais importante não é evitar uma possível recaída, mas sim estar preparado para quando ela chegar – se ela chegar – enfrentar de peito aberto e queixo em pé. Se cair, levantar mais forte, seguir meu caminho, aprender a conviver com o meu fantasma interno e eterno. 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s