veia literária

No trabalho

Como seria bom se já fossem seis da tarde. Esse trabalho de secretária de consultório só me chateia. Se ao menos eu fosse a assistente do dentista, mas nem pra isso eu me presto. Tenho que concordar, não tenho vontade de trabalhar, e só aceitei esse emprego porque o trabalho é fácil e o salário razoável.
Bem que minha mãe me falava pra eu casar com homem rico. Olha o exemplo da Suzana, conseguiu um partidão já aos dezessete anos. Ainda por cima tenho que aguentar comparações com minha irmã mais nova, que além de mais bonita foi mais esperta e conseguiu casar com um empresário. Até tive minha chance com o Oscar, mas não gosto de homens que já tenham filhos. Na verdade, eu não suporto as crianças no geral.
Veja o exemplo dessa pobre coitada que está ali sentada na sala de espera. Tá com duas crianças ranhentas pra cuidar, nem parece mãe delas. Toda desajeitada, não consegue dar conta dessas pestinhas. E olha que nem consulta marcada ela tem, insistiu em ficar sentada ali, dizendo que só está esperando um pouco. Mas, esperando o que? Nem isso ela foi capaz de me dizer. Cada tipo de gente que me aparece por aqui. Ainda pra completar, a novela hoje a noite não vai estar boa.
Acabou de sair um paciente, está na hora do próximo paciente.
– Dezenove, pode entrar!
Lá se vai mais um. Agora só falta essa velha engraçada que fica brincando com a dentadura na boca e mais dois pacientes, que se eu tiver muita sorte não vão aparecer. Não sei por que essa velha tá aqui, nem dente tem mais. O doutor Silas não faz implantes.
– Tzzzzzzzzzzzzz… tzzzzzzzzzzzzzzzz… Ahhhhhhhhhhhhhhhhh!
Nossa, acho que o Doutor está executando o pobre infeliz lá dentro. Bom, vou ali tomar o meu café agora que as coisas estão mais calmas, ainda quero ler aquela simpatia na revista para fazer as unhas crescerem mais fortes. Não aguento mais essas minhas unhas que vivem quebrando, tenho que lixá-las a cada meia hora. Deve ser a dieta que eu tô fazendo, vai ver que não faz bem. Mas, é um sacrifício válido, perdi 7 quilos nos últimos 10 dias.
– Panck!!! Ahhhhhhhhhhhhhhh!!!
– Lorena, corre aqui ajudar!
Putz, lá se foi o meu café.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s